Eventos Astronômicos

Saiba o que fazer se você encontrar um pedaço da Estação Espacial Chinesa

A Estação Espacial Tiangong-1, da China, está em órbita terrestre e deverá reentrar na atmosfera entre 30 de março e 2 de abril. A maior parte da estação espacial de 9 toneladas (8.500 kg) provavelmente irá se queimar em pedaços. No entanto, alguns milhares de fragmentos ainda são propensos a sobreviver à viagem e pousar na superfície do nosso planeta.

maxresdefault

A chances de você ser atingido na cabeça por qualquer um desses destroços são baixas – cerca de uma em 292 trilhões. Neste momento, o local de impacto (o Brasil está na lista) potencial da estação espacial cobre cerca de um terço do planeta, e uma grande maioria dessa zona é água.

No entanto, se por alguma coincidência verdadeiramente cósmica você encontrar um pedaço da Tiangong-1, aqui estão alguns conselhos sobre sua melhor forma de agir: não toque nele. “Há duas razões pelas quais você não deve se aproximar e tocar em um pedaço de detritos espaciais”, disse Robert Z. Pearlman, historiador do espaço. “O primeiro é que é um risco para a saúde”, concluiu.

Pearlman disse que a estação espacial está transportando todos os tipos de materiais perigosos que não são seguros para o contato humano, incluindo tanques de combustível. “Além disso, como esse veículo será dilacerado pelo processo de reentrada, o que sobrevier até o solo poderá ter bordas muito afiadas”, acrescentou Pearlman.

Achado não é roubado?

A segunda razão para não pegar um pedaço da Tiangong-1 é a galáxia de problemas legais em que você poderia entrar. “De acordo com o Tratado do Espaço Sideral de 1967, a espaçonave de um país é sua propriedade legal até que eles digam que não é sua propriedade legal”, disse Pearlman. “Não importa onde ela aterrissar”, concluiu.

Isso faz com que a China seja legalmente responsável por qualquer dano à pessoa ou propriedade que sua estação espacial fora de controle possa causar. No entanto, isso também significa que se apropriar um pedaço da Tiangong-1 é o mesmo que roubar propriedade do governo. Acredite ou não, as pessoas foram presas por isso.

“Após a explosão do Challenger [em 1986], houve um homem que manteve um pedaço de destroços por 25 anos”, disse Pearlman. “Ele era o cozinheiro a bordo de uma navio. Enquanto seus companheiros marinheiros estavam fora ajudando na recuperação de peças, ele decidiu usar um balde para pegar um azulejo flutuando na água e guardá-lo para si mesmo. Ele o guardou por 25 anos e, em seguida, publicou no eBay”, acrescentou.

Quando a NASA descobriu, o homem foi preso. Ele foi considerado culpado de roubo de propriedade do governo e condenado a dois anos de liberdade condicional. Ele saiu fácil, mas poderia ter recebido uma multa de 10 mil dólares, 10 anos de prisão ou uma combinação de ambos.

O melhor a se fazer nestas situações se encontrar um pedaço do que você acha que é entulho espacial é “entrar em contato com as autoridades locais”, disse Pearlman. “Eles entrarão em contato com as autoridades federais e providenciarão a devida coleta e devida devolução ao governo chinês”, concluiu. [LiveScience]

Alexsandro Mota

Nordestino, um grande amante da astronomia e divulgador científico há quase uma década. Sou o criador do projeto Mistérios do Espaço e dedico meu tempo a tornar a astronomia mais acessível.