Nova imagem de Marte revela região misteriosa

Uma imagem do Mars Reconnaissance Orbiter (MRO) da NASA revelou características intrigantes em formato de favo de mel em uma região do Planeta Vermelho. A foto foi tirada pela câmera HiRISE no MRO, e está olhando para o noroeste da Planita Hellas, uma das maiores e mais antigas bacias de impacto em Marte.

“Honeycombs”, como é chamada, é uma referência para os cumes retangulares que são exclusivos do planeta vermelho. Eles foram vistos antes, mas eles são destacados novamente nesta imagem. Na verdade, estamos bastante ampliados aqui, a 50 centímetros por pixel. Mas se você olhar para a imagem ampliada abaixo, você pode ver claramente as diferentes seções em forma de favo de mel. Eles medem cerca de 5 a 10 quilômetros cada.

content-1512046185-esp-052430-1425-1

“Os cientistas têm debatido a forma como essas características são criadas, teorizando eventos glaciais, formação de lagos, atividade vulcânica e tectônica ou erosão do vento”, disse a NASA

Pensa-se que essa característica pode ser parcialmente formada pela erosão do vento, pois as paredes das formações parecem um pouco como ondulações de areia. O rochedo também foi exposto no chão e nas paredes das células, o que pode ser o resultado da atividade vulcânica.

As formas também são notáveis de outra forma, ou seja, elas têm uma falta de crateras de impacto. Isso sugere que foram recentemente remodeladas por um dos processos mencionados acima.

Os favos de mel foram vistos pela primeira vez em Marte em 1972, levando a inúmeras teorias de conspiração sobre cidades marcianas. Agora que podemos vê-los mais de perto, é claro, podemos dizer que eles são características naturais, mas ainda sim são fascinantes. [IFLS]

Sou natural de Conceição do Coité, na Bahia e atualmente trabalho com a divulgação científica na internet, principalmente nas páginas Universo Racionalista e Mistérios do Espaço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *