NASA revela imagens impressionantes do polo norte de Júpiter

Cientistas que trabalham na missão Juno da NASA compartilharam vídeos 3D em infravermelho mostrando ciclones e anticiclones densamente compactados que permeiam as regiões polares de Júpiter.

Os cientistas da missão Juno coletaram dados coletados pelo InfraRed Auroral Mapper (JIRAM), da nave espacial, e geraram a órbita em 3D do polo norte do gigante gasoso. O JIRAM captura luz emergindo de dentro de Júpiter durante a noite ou dia. O instrumento consegue ver até 50 a 70 quilômetros abaixo dos topos das nuvens. As imagens ajudarão a equipe de pesquisadores a entender as forças que atuam no planeta.

“Antes da Juno, podíamos apenas imaginar como seriam os pólos de Júpiter”, disse Alberto Adriani, do Instituto de Astrofísica Espacial e Planetologia, em Roma. “Agora, com a sonda sobrevoando os pólos a uma curta distância, permite a coleta de imagens de infravermelho sobre os padrões climáticos polares e seus enormes ciclones em uma resolução espacial sem precedentes”, concluiu ele. [NASA]

Natural de Conceição do Coité, na Bahia, estudante de Comunicação Social, com ênfase em Rádio e TV, trabalha com divulgação científica na internet e é o fundador do projeto Mistérios do Espaço.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *