Planetas

Foto tirada 50 anos atrás revela nossa frágil existência no universo

Nas véspera de natal de 1968, 50 anos atrás, os astronautas da Apollo 8, Frank Borman, Jim Lovell e William Anders se tornaram os primeiros seres humanos a circundar a Lua. A missão foi histórica. Mas igualmente memorável é a famosa foto “Earthrise” que resultou mostrando a Terra subindo acima da paisagem lunar. Até aquele ponto, nenhum olho humano jamais tinha visto nosso frágil mundo azul de tão longe.

Esta imagem do nosso planeta, que parece tão pequeno e vulnerável na escuridão do espaço, tornou as pessoas mais conscientes de sua fragilidade. O Earthrise é hoje uma das imagens espaciais mais reproduzidas de todos os tempos, aparecendo em vários lugares pelo mundo.

Muitos apontaram a ironia da foto, já que a Apollo 8 foi enviada para estudar e tirar fotos da superfície da Lua – não da Terra. “De todos os objetivos que a NASA havia estabelecido antes do lançamento, ninguém havia pensado em fotografar a Terra a partir da órbita lunar”, escreveu Robert Zimmerman, em seu livro Genesis: The Story of Apollo 8.

A famosa foto foi tirada durante a quarta passagem da missão ao redor da Lua, ponto em que a espaçonave mudou sua órbita, tornando possível a visão da Terra acima do horizonte lunar. Nenhum dos astronautas estava preparado para aquele momento, incluindo o piloto do módulo lunar Anders, que havia sido encarregado da fotografia. [ScienceAlert]

Alexsandro Mota

Nordestino, um grande amante da astronomia e divulgador científico há quase uma década. Sou o criador do projeto Mistérios do Espaço e dedico meu tempo a tornar a astronomia mais acessível.