Eventos Astronômicos

Círculo estranho é filmado no céu em cidade do Pará

Nesta última quinta-feria (16/08) um círculo surgiu pairando no céu da cidade de Castanhal, no Pará. O anel de fumaça chamou a atenção de moradores locais, que logo pediram explicações para tal aparição. No entanto, o fenômeno, apesar de incomum, não é nada extraterrestre e é facilmente explicado pela dinâmica de fluídos – até mesmo animais como Golfinhos demostram o evento dito “anormal” por algumas pessoas.

O fenômeno trata-se do “anel de vórtex”. Podendo ser vistos aparecendo em vulcões e Golfinhos, ele acontece quando algum fluído ou gás gira em um sentido definido sob um eixo longitudinal. Nesse caso, a fumaça advinda de algum lugar não identificado, formou um anel que gira em torno de uma linha de eixo imaginária que forma um circuito fechado.

Esses anéis são presentes em fluxos turbulentos de líquidos e gases, mas quase nunca são notados, a menos que o movimento seja mostrado por partículas suspensas no ambiente. No caso do Pará, partículas na fumaça revelaram o fenômeno claramente no céu.

Assim é a fluência do anel.

O fenômeno já apareceu em diversos lugares do mundo e não há motivo para medo. Resumindo, nada de aliens nos visitando (por enquanto), mas sim apenas fumaça  de uma forma muito legal.

Alexsandro Mota

Nordestino, um grande amante da astronomia e divulgador científico há quase uma década. Sou o criador do projeto Mistérios do Espaço e dedico meu tempo a tornar a astronomia mais acessível.