NASA divulga novo conceito de casas para Marte

nasaicehouse_web_1024

(Créditos da imagem: NASA).

Pesquisadores da NASA têm muitos problemas para resolver, se quiserem que os astronautas pisem um dia em Marte. Um dos maiores obstáculos é onde estes pioneiros vão dormir e viver. Finalmente, os engenheiros podem ter chegado a uma solução: um design conceitual de “cúpulas de gelo”.

A NASA está planejando a criação de cúpulas infláveis cobertas de gelo para os astronautas viverem e trabalharem, fornecendo-lhes proteção contra temperaturas extremas e radiação de alta energia.

“Depois de um dia dedicado à identificação de necessidades, objetivos e restrições, rapidamente avaliamos muitas ideias loucas, fora da caixa e finalmente convergimos para o projeto da Cúpula de Gelo atual, que fornece uma solução de engenharia”, disse o engenheiro de sistemas Kevin Vipavetz.

O que exatamente é uma Cúpula de Gelo?

Embora o nome invoque imagens de iglus, o conceito de trabalho da NASA – oficialmente chamado Mars Ice Home – é insuflável, quando totalmente inflado, é coberto com uma camada grossa de gelo protetor. Parece assim:

(Créditos da imagem: NASA Langley/Clouds AO/SEArch).

(Créditos da imagem: NASA Langley/Clouds AO/SEArch).

“O projeto do Mars Ice Home tem várias vantagens que o tornam um conceito atraente, leve e pode ser transportado e implantado com robótica simples, e então cheio d’água antes que a tripulação chegue”, diz a equipe.

“Ele [o projeto do Mars Ice Home] incorpora materiais extraídos de Marte, e a água no Ice Home poderia potencialmente ser convertida em combustível de foguete para o Marte Ascent Vehicle, a própria estrutura funciona como um tanque de armazenamento que pode ser recarregado para a próxima tripulação”.

O objetivo principal das Cúpula de Gelo é proteger os astronautas da radiação de alta energia, como raios cósmicos, que podem penetrar na atmosfera marciana. Estes raios podem danificar as células, aumentando o risco de uma série de preocupações de saúde, como câncer e doença de radiação aguda.

O gelo é rico em hidrogênio, ele atua como um escudo contra esses raios, tornando-se uma grande cobertura, impedindo que os raios alcance os astronautas. Isto é melhor compreendido com a ilustração abaixo, na qual você pode ver como o gelo será espesso em torno do topo da cúpula, proporcionando a proteção necessária.

(Créditos da imagem: NASA Langley/Clouds AO/SEArch).

(Créditos da imagem: NASA Langley/Clouds AO/SEArch).

“Os materiais que compõem a Cúpula de Gelo terão que suportar muitos anos de uso no ambiente marciano severo, incluindo radiação ultravioleta, radiação de partículas carregadas, possivelmente algum oxigênio atômico, percloratos, bem como tempestades de poeira – embora não tão feroz”, explica a pesquisadora Sheila Ann Thibeault.

Além de oferecer proteção contra as duras realidades ambientais de Marte, a Cúpula de Gelo seria super leve em comparação com outras ideias que envolvem a construção de prédios aqui na Terra antes de disparar para o Planeta Vermelho.

Uma das melhores maneiras de os seres humanos sobreviverem em Marte, segundo a equipe, é entrar no subsolo, que oferece a melhor proteção contra todas as coisas nocivas da superfície.

Para fazer isso, porém, algum tipo de abrigo precisará estar esperando pelos astronautas assim que chegarem lá, e a equipe acha que a Cúpula de Gelo – com sua estrutura leve, fácil construção e capacidade de usar materiais de água que já estão no Planeta – pode ser a solução perfeita. [ScienceAlert].

Sou baiano, tenho 15 anos e sou fascinado pelo Cosmos. Atualmente trabalho com a divulgação científica na internet, com ênfase na astronomia e cosmologia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *